Orientações

10 dicas úteis de cuidados com as unhas 23 ABR

– As unhas devem  ser aparadas de modo a evitar o acúmulo de sujeira. Mas, não corte as unhas até o “sabugo”, deixe sempre uma pequena porção da borda livre;


-A cutícula não deve ser retirada, pois isso deixa a unha desprotegida e facilita a entrada de fungos e bactérias
;


-Às adoradoras das unhas pintadas, um aviso: deixe-as sem esmalte uma semana por mês, no mínimo. O uso ininterrupto de esmalte causa ressecamento, desfolhamento e enfraquecimento das unhas. Durante o período de intervalo, deve haver a aplicação de hidratantes próprios para evitar o ressecamento
;


-O uso de acetona pode tornar as unhas mais frágeis e quebradiças. Se, no salão de beleza, a profissional fizer esse tipo de sugestão, recuse. Prefira os removedores de esmalte, que não contém acetonas;


-O hábito de lixar a parte de cima da unha pode ser prejudicial, pois retira camadas de queratina e deixa as unhas mais frágeis e finas.


– Evite deixar as mãos úmidas por muito tempo. A umidade excessiva favorece o surgimento de micoses como o “unheiro”
;

– Tenha o seu próprio material de manicure ou use apenas material que foi esterilizado em autoclave para evitar a transmissão de micoses de unha;

– Qualquer alteração como bordas desfolhando ou quebrando, manchas, descolamento ou espessamento da unha, procure um dermatologista para o correto diagnóstico e tratamento;

– Não corte as unhas dos pés pelos cantos, isso evitará que elas encravem;

– Se a unha está encravada, cortar o canto que encravou não vai resolver o problema. Quando a unha crescer, vai encravar de novo. Procure um dermatologista para o tratamento adequado. (FALAREMOS EM BREVE SOBRE ESSE TEMA).

Fonte: SBD e Dermatologia.net

Pesquisar

Outras Orientações