Epidermodisplasia verruciforme

Epidermodisplasia verruciforme

Publicado em 6 de maio de 2015

Atlas de Imagens

É uma desordem hereditária, a maioria autossômica recessiva, descrita em 1922 por Lutz e Lewandowski, que se inicia na infância, havendo disseminação e infecção persistente pelo HPV. Os loci da susceptibilidade estão nos cromossomos 17q25 e 2p21-p24. É caracterizada pelo surgimento de pápulas em grande número, que lembram a verruga plana, lesões hipocrômicas descamativas, que lembram a pitiríase versicolor, e placas, que lembram as queratoses seborréicas.

Já foram observados, pelo menos, 20 tipos de HPV filogeneticamente relacionados, na epidermodisplasia verruciforme. As lesões de áreas expostas ao sol, quando causadas pelos HPV 5 e 8, podem evoluir para o carcinoma espinocelular ou doença de Bowen, em metade dos pacientes. Os pacientes devem ser orientados a evitar a radiação UV que atua com co-carcinógeno.

Pesquisar