Eczema numular

Eczema numular

Atlas de Imagens

É uma dermatose de causa desconhecida que se apresenta, geralmente, em pessoas com pele seca. Para alguns autores se trata de uma variante do eczema atópico. Alguns fatores são implicados no seu estabelecimento tais como: infecções estafilocócicas, picadas de inseto, queimaduras, roupas ásperas, exposição a substâncias químicas, inclusive cosméticos e  o “stress”. É mais comum em mulheres de meia idade e raramente ocorre em crianças.

Clinicamente, manifesta-se através de lesões eczematizadas, numulares, uniformes, dispostas, principalmente, nas pernas. Compromete, entretanto, outras regiões como, antebraços, dorso das mãos e tronco. As lesões mais antigas têm aspecto tricofitóide. A tendência é para a cronicidade com períodos de exacerbação.

O tratamento consiste em evitar situações que tornem a pele seca. Reduzir a frequência dos banhos. Usar roupas de algodão e evitar tecidos que causem atrito. Topicamente, usar os emolientes e os corticóides potentes nos estágios iniciais. Nas fases subagudas o coaltar pode ser usado isoladamente ou alternado com o corticóide tópico. Sistemicamente, os anti-histamínicos podem surtir efeito, principalmente os sedantes. Nos casos mais graves pode ser usado corticosteróide sistêmico. Antibióticos de largo espectro como a oxitetraciclina ou eritromicina podem ser utilizados à semelhança do que foi referido no eczema atópico, mesmo sem infecção aparente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pesquisar